Criada en 2007, a Cía. Teatro de Açúcar é um núcleo de pesquisa e produção de espetáculos com dramaturgia original e intenso trabalho interpretativo. "Além do que se vê", espetáculo de estréia da Cia, recebeu quatro indicações ao Prêmio SESC do Teatro Candango – 2008 e venceu nas categorias: Melhor Atriz (Eli Moura) e Melhor cenografia (Gabriel F. e Marco Michelângelo). O espetáculo marca o início da "Trilogia sobre o Tédio e o Tempo", que se completa com “Tenho febre, mas vou buscar nosso dinheiro" (2009) e "A Vida Impressa em Xerox" (2012). No currículo da Cia. constam ainda os espetáculos: "Máquina de Gargalhadas” (2009); ”Movie About the City” (2010), que estreou no Festival Internacional de Teatro Cena Contemporânea, em Brasília; “Adaptação" (2013), uma co-produção entre Brasil e Espanha; "A Volta dos que não Foram" (2014); e o musical “Surf a Seco” (2015). As montagens do Teatro de Açúcar se caracterizam pelo intenso trabalho de direção de atores e dramaturgia original, aliados à excepcional beleza estética, sempre concentrados em temas que investigam e discutem a complexidade humana de uma maneira leve, musical e bem humorada, mas sem abandonar o peso de cada discurso.

2014 © Teatro de Açúcar